Notícias - Futebol

04 de Julho de 2019 ás 06:39

Cuiabano Natanael é apresentado no Inter e garante: “raça e sangue na veia não vai faltar”

O mato-grossense assinou por três temporadas com o clube gaúcho

 

O mais recente reforço Sport Club Internacional foi apresentado oficialmente à torcida colorada e imprensa nesta quarta-feira (03/07). Aos 28 anos de idade, o lateral esquerdo Natanael chega do futebol europeu para somar experiência e qualidade nas opções do técnico Odair Hellmann, de olho na disputa do Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores da América. Com um contrato de três anos e vestindo a camisa de número 28, o atleta cuiabano foi apresentado pelo vice-presidente de futebol Roberto Melo e o diretor executivo Rodrigo Caetano após o treinamento desta manhã.

Após a apresentação, Natanael concedeu sua primeira entrevista coletiva como jogador colorado. Empolgado com a oportunidade de defender as cores do Internacional, o lateral prometeu máximo comprometimento: “pode ter certeza que raça não vai faltar. Superação, vontade, sangue na veia. Aqui corre vermelho, gana de vencer. Não gosto de perder nem no rachão”, revelou.

Natanael esteve as últimas quatro temporadas na Europa defendendo o Ludogorets, da Bulgária. Foi tetracampeão nacional e disputou três edições da Liga dos Campeões e da Liga Europa. Marcou seis gols e deu 18 assistências em 149 jogos.

“Sei que muitos torcedores ainda não devem me conhecer claramente, até porque fiquei quatro anos jogando fora do Brasil. O Natanael é um jogador de velocidade, que ataca bastante. Com a experiência de Europa, me adaptei bastante na parte tática defensiva, aprendi muito”, disse o lateral-esquerdo.

O jogador também afirmou em coletiva que atuando no Internacional ele pode ter uma possível chance na seleção brasileira.

“Saí da Bulgária pois creio que fechei meu ciclo por lá. Queria atuar em um nível mais alto para ter chance na Seleção, que é o meu sonho, como de todo jogador brasileiro”, completou.

Formado no futebol Matogrossense, Natanael disputou as temporadas de 2014 e 2015 pelo Athlético-PR antes de ser negociado com o futebol do exterior. Fez 79 jogos, incluindo a participação na Libertadores 2014, marcou um gol e terminou o Campeonato Brasileiro do mesmo ano como líder em assistências pelo clube: nove.

O mais recente reforço Sport Club Internacional foi apresentado oficialmente à torcida colorada e imprensa nesta quarta-feira (03/07). Aos 28 anos de idade, o lateral esquerdo Natanael chega do futebol europeu para somar experiência e qualidade nas opções do técnico Odair Hellmann, de olho na disputa do Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores da América. Com um contrato de três anos e vestindo a camisa de número 28, o atleta cuiabano foi apresentado pelo vice-presidente de futebol Roberto Melo e o diretor executivo Rodrigo Caetano após o treinamento desta manhã.

Após a apresentação, Natanael concedeu sua primeira entrevista coletiva como jogador colorado. Empolgado com a oportunidade de defender as cores do Internacional, o lateral prometeu máximo comprometimento: “pode ter certeza que raça não vai faltar. Superação, vontade, sangue na veia. Aqui corre vermelho, gana de vencer. Não gosto de perder nem no rachão”, revelou.

Natanael esteve as últimas quatro temporadas na Europa defendendo o Ludogorets, da Bulgária. Foi tetracampeão nacional e disputou três edições da Liga dos Campeões e da Liga Europa. Marcou seis gols e deu 18 assistências em 149 jogos.

“Sei que muitos torcedores ainda não devem me conhecer claramente, até porque fiquei quatro anos jogando fora do Brasil. O Natanael é um jogador de velocidade, que ataca bastante. Com a experiência de Europa, me adaptei bastante na parte tática defensiva, aprendi muito”, disse o lateral-esquerdo.

O jogador também afirmou em coletiva que atuando no Internacional ele pode ter uma possível chance na seleção brasileira.

“Saí da Bulgária pois creio que fechei meu ciclo por lá. Queria atuar em um nível mais alto para ter chance na Seleção, que é o meu sonho, como de todo jogador brasileiro”, completou.

Formado no futebol Matogrossense, Natanael disputou as temporadas de 2014 e 2015 pelo Athlético-PR antes de ser negociado com o futebol do exterior. Fez 79 jogos, incluindo a participação na Libertadores 2014, marcou um gol e terminou o Campeonato Brasileiro do mesmo ano como líder em assistências pelo clube: nove.O mais recente reforço Sport Club Internacional foi apresentado oficialmente à torcida colorada e imprensa nesta quarta-feira (03/07). Aos 28 anos de idade, o lateral esquerdo Natanael chega do futebol europeu para somar experiência e qualidade nas opções do técnico Odair Hellmann, de olho na disputa do Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores da América. Com um contrato de três anos e vestindo a camisa de número 28, o atleta cuiabano foi apresentado pelo vice-presidente de futebol Roberto Melo e o diretor executivo Rodrigo Caetano após o treinamento desta manhã.

Após a apresentação, Natanael concedeu sua primeira entrevista coletiva como jogador colorado. Empolgado com a oportunidade de defender as cores do Internacional, o lateral prometeu máximo comprometimento: “pode ter certeza que raça não vai faltar. Superação, vontade, sangue na veia. Aqui corre vermelho, gana de vencer. Não gosto de perder nem no rachão”, revelou.

Natanael esteve as últimas quatro temporadas na Europa defendendo o Ludogorets, da Bulgária. Foi tetracampeão nacional e disputou três edições da Liga dos Campeões e da Liga Europa. Marcou seis gols e deu 18 assistências em 149 jogos.

“Sei que muitos torcedores ainda não devem me conhecer claramente, até porque fiquei quatro anos jogando fora do Brasil. O Natanael é um jogador de velocidade, que ataca bastante. Com a experiência de Europa, me adaptei bastante na parte tática defensiva, aprendi muito”, disse o lateral-esquerdo.

O jogador também afirmou em coletiva que atuando no Internacional ele pode ter uma possível chance na seleção brasileira.

“Saí da Bulgária pois creio que fechei meu ciclo por lá. Queria atuar em um nível mais alto para ter chance na Seleção, que é o meu sonho, como de todo jogador brasileiro”, completou.

Formado no futebol Matogrossense, Natanael disputou as temporadas de 2014 e 2015 pelo Athlético-PR antes de ser negociado com o futebol do exterior. Fez 79 jogos, incluindo a participação na Libertadores 2014, marcou um gol e terminou o Campeonato Brasileiro do mesmo ano como líder em assistências pelo clube: nove.

O mais recente reforço Sport Club Internacional foi apresentado oficialmente à torcida colorada e imprensa nesta quarta-feira (03/07). Aos 28 anos de idade, o lateral esquerdo Natanael chega do futebol europeu para somar experiência e qualidade nas opções do técnico Odair Hellmann, de olho na disputa do Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores da América. Com um contrato de três anos e vestindo a camisa de número 28, o atleta cuiabano foi apresentado pelo vice-presidente de futebol Roberto Melo e o diretor executivo Rodrigo Caetano após o treinamento desta manhã.

Após a apresentação, Natanael concedeu sua primeira entrevista coletiva como jogador colorado. Empolgado com a oportunidade de defender as cores do Internacional, o lateral prometeu máximo comprometimento: “pode ter certeza que raça não vai faltar. Superação, vontade, sangue na veia. Aqui corre vermelho, gana de vencer. Não gosto de perder nem no rachão”, revelou.

Natanael esteve as últimas quatro temporadas na Europa defendendo o Ludogorets, da Bulgária. Foi tetracampeão nacional e disputou três edições da Liga dos Campeões e da Liga Europa. Marcou seis gols e deu 18 assistências em 149 jogos.

“Sei que muitos torcedores ainda não devem me conhecer claramente, até porque fiquei quatro anos jogando fora do Brasil. O Natanael é um jogador de velocidade, que ataca bastante. Com a experiência de Europa, me adaptei bastante na parte tática defensiva, aprendi muito”, disse o lateral-esquerdo.

O jogador também afirmou em coletiva que atuando no Internacional ele pode ter uma possível chance na seleção brasileira.

“Saí da Bulgária pois creio que fechei meu ciclo por lá. Queria atuar em um nível mais alto para ter chance na Seleção, que é o meu sonho, como de todo jogador brasileiro”, completou.

Formado no futebol Matogrossense, Natanael disputou as temporadas de 2014 e 2015 pelo Athlético-PR antes de ser negociado com o futebol do exterior. Fez 79 jogos, incluindo a participação na Libertadores 2014, marcou um gol e terminou o Campeonato Brasileiro do mesmo ano como líder em assistências pelo clube: nove.

Fonte: Showdoesporte/Olhar Esportivo

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
COMENTE AGORA