Notícias - Futebol

01 de Agosto de 2017 ás 22:54

Série C: Cuiabá fica no empate com o Remo na Arena

Resultado deixa equipes vivas na briga pelo G4 do Grupo A da Série C. Dourado chega a seu nono empate em 12 jogos da competição

Depois daquela final de Copa Verde em 2015 os encontros entre Cuiabá e Remo ganharam altas doses de rivalidade e emoção. A partida da noite desta segunda-feira, na Arena Pantanal, foi mais um exemplo disso. Em um duelo de alta intensidade, dessa vez quem se deu melhor foi o Dourado, que, apesar do empate em 0 a 0, ganhou duas posições com o término da 12ª rodada da Série C do Brasileiro. Remo cai uma, mas não deixa o G4.

O resultado faz o clube do Mato Grosso chegar ao seu nono empate na competição. Com 15 pontos, o Cuiabá assume o 5º lugar na tabela. Já o Remo cai uma posição, mas permanece no G4, em quarto, com 17 pontos. Na próxima rodada os azulinos enfrentam o Confiança. A partida será domingo, no Mangueirão. O Cuiabá receberá em casa o Sampaio Corrêa no mesmo dia.

O JOGO

A partida começou com os donos da casa partindo para o ataque. Foram quatro lances de perigo do Dourado nos primeiros dez minutos. Aos 16, Alê foi lançado sozinho na área do Remo e desperdiçou chance cara a cara com o goleiro Vinícius. O camisa 1 azulino, aliás trabalhou demais na primeira etapa, mas sempre com segurança. O clube paraense, apesar de bombardeado, conseguiu se lançar ao ataque em algumas ocasiões. Criou menos oportunidades, porém levou real perigo à meta de Henal.

A principal delas aconteceu aos 40, num chute forte de Pimentinha dentro da área, defendido pelo goleiro do Cuiabá. A metade final o primeiro tempo ainda teve bastante intensidade, porém foi mais favorável ao Remo. O ritmo não diminuiu nem nos acréscimos, mas o placar permaneceu inalterado.

Após o descanso do intervalo, Cuiabá e Remo voltaram a campo decididos a marcar. O ritmo continuou acelerado. O Dourado quase balançou as redes aos 5, mas o cabeceio de Heverton passou tirando tinta do travessão. O time do Mato Grosso continuou investindo nas bolas aéreas e, aos 14, Vinícius teve que fazer boa intervenção novamente, agora após cabeceio de Elias. O Remo teve chances com Pimentinha, aos 9 – Henal defendeu o chute cruzado – e Eduardo Ramos, aos 20, que mandou para fora. Logo em seguida os azulinos perderam o volante França, com uma lesão no ombro, e Flamel entrou em seu lugar.

A mexida deixou o Leão mais ofensivo, porém também mais exposto. Houve briga intensa no meio de campo e a partida permaneceu aberta. Mas o lance capital da partida aconteceu aos 40. Marquinho deu chutão no meio de campo, Léo Rosa errou o corte e Bruno Sávio entrou livre de marcação na área do Remo, mas chutou para a fora, desperdiçando a melhor chance do Cuiabá na partida. Nos acréscimos, Sávio perdeu grande chance novamente, que terminou com boa defesa do arqueiro remista.

Fonte: Showdoesporte/Globo Esporte

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
COMENTE AGORA